quarta-feira, 10 de maio de 2017

Missão IOCO - Otávio - Ofertar

Otávio - Ofertar





Para representar o ícone ofertar criei o personagem Otávio. Ele é um garoto descontraído e desapegado de bens materiais. Tem o dom da contribuição. Apesar de ser criança gosta que sua oferta missionária seja conseguida com seus esforços e não, simplesmente dada por seus pais.


-->
Para fundamentar o ícone OFERTAR apresento a história sobre a liberalidade dos crentes macedônios em levantar uma oferta para os crentes pobres da Judeia II Coríntios 8 e 9


A missão de ofertar
Objetivos  
O que queremosQue os participantes conheçam o personagem Otávio e façam a ligação entre o seu desapego às coisas materiais e a oportunidade de ofertar para a campanha de Missões Estaduais

Na área do saber
Que as crianças e todos os envolvidos no ministério saibam que as ofertas levantadas nas campanhas anuais de Missões Estaduais são usadas para o pagamento do salário dos missionários que estão plantando igrejas batistas em cidades em que as pessoas precisam ouvir a Palavra de Deus

Na área do sentir
Que as crianças e todos os envolvidos no ministério sintam-se motivados a destinar uma parte do seu dinheiro para Missões Estaduais

Na área do fazer
Que as crianças e todos os envolvidos no ministério compartilhem do seu dinheiro e bens materiais para a pregação do evangelho e salvação dos que hão de crer em Jesus

História Bíblica
Textos básicos  Atos 11.19-30 e II Coríntios 8 e 9
Título Uma oferta especial para os crentes pobres da Judeia

Cartaz 4 “Cada um dê conforme determinou em seu coração, não com pesar ou por obrigação, pois Deus ama quem dá com alegria”

·      Momento do preâmbulo
Otávio não sabia o que fazer para contribuir com a oferta de Missões Estaduais naquele ano. Todas as ideias que tinha pareciam difíceis demais e mesmo impossíveis, até porque ele era uma criança. Ele estava tão ansioso para encontrar uma solução que chegou a sonhar com o culto de encerramento da campanha. O pior é que no sonho ele não tinha conseguido nenhum dinheiro para a oferta.

Era manhã de sábado e depois de ter feito todas as tarefas da escola Otávio resolveu jogar vídeo game, coisa que ele amava fazer.

Quando pegou o joystick foi como se uma lâmpada acendesse em sua cabeça. No mesmo instante saiu gritando pela casa:
-- já sei o que vou fazer! – Vou vender meu vídeo game para dar o dinheiro como oferta para missões!

E foi o que ele fez. No dia do culto de encerramento da campanha Otávio levou à frente seu envelope recheado de cédulas de dinheiro e orgulhosamente depositou-o no gazofilácio.

·      Momento da história




Dica para o professor - “No governo do imperador romano Cláudio, houve um período de grande fome em todo o mundo, fato esse profetizado por Ágabo (At 11.27,28). Nesse mesmo tempo, os judeus que moravam em Roma foram expulsos (At 18.2), e uma pobreza assoladora atingiu os cristãos da Judéia. Os discípulos de Cristo em Antioquia, conforme suas posses, enviaram socorro aos irmãos que moravam na Judéia por intermédio de Barnabé e Saulo” (At 11.29,30[1]




[1] .  Lopes, Hernandes Dias2Coríntios: o triunfo de um homem de Deus diante das dificuldades /Hernandes Dias Lopes. —São Paulo: Hagnos, 2008.



História
No início da igreja de Cristo alguns dos seus seguidores sofreram perseguições e muitos deles tiveram que fugir da região da Judeia para outras regiões como Antioquia, Fenícia, Macedônia, Corinto. Por onde passavam iam pregando o evangelho de Cristo e muitos que moravam naquelas regiões se tornaram cristãos. (Atos 11.19-30)

Acontece que num determinado período da história houve uma grande fome e os cristãos da Judeia foram atingidos por uma pobreza avassaladora.

Pois bem, a igreja de Corinto que vivia numa região rica iniciou uma campanha para levantar uma oferta destinada aos crentes pobres da Judeia. Porém o tempo foi passando e depois de um ano não haviam cumprido o prometido. Então o Apóstolo Paulo fez um apelo a igreja para cumprir sua promessa, citando o exemplo das igrejas da região da Macedônia (Filipos, Tessalônica e Bereia) que foram generosas apesar de estarem em uma região pobre.

Quando ficaram sabendo da situação dos cristãos judeus os irmãos das igrejas de Filipos, Tessalônica e Bereia  quiseram ajudar, apesar de também serem muito pobres. Esses irmãos se esforçaram ao máximo e contribuiram generosamente para ajudar aqueles que lhes anunciaram o evangelho de Jesus Cristo. Seus corações estavam cheios de gratidão, por experimentar o amor de Deus.

Ao contrário da igreja de Corinto, as igrejas da Macedônia não precisaram ser incentivadas nem lembradas da necessidade em questão. Mostraram-se totalmente dispostas a participar da oferta. Sua contribuição foi voluntária e espontânea. Foi feita pela graça, não por pressão. Ofertaram porque sentiram o desejo de fazê-lo e porque haviam experimentado a graça de Deus.
Além do exemplo dos macedônios Paulo deu outro exemplo para incentivar os crentes de Corinto a participar da oferta. Ele usou o exemplo da doação de Cristo, fazendo-se pobre, deixando o céu e vindo morar na terra para nos fazer ricos pela salvação eterna com Ele (8.9)
·      Momento da discussão
1.     Na sua opinião o que impediu os coríntios, de ofertar espontaneamente para ajudar os crentes pobres da Judeia?
2.     O que contribuiu para que os crentes da região da Mecedônia fossem tão generosos em ofertar visto que não possuiam riquezas?
3.     Outros motivos...

·      Momento da intercessão
Motivos:
1.     Para que Deus derrame do seu amor nos nossos corações e assim possamos contribuir para a campanha de Missões Estaduais
2.     Para que cada crente batista mineiro encontre uma forma de conseguir dinheiro para contribuir para Missões.
3.     Outros motivos
-->
Momento de atividade


-->


-->

Nenhum comentário:

Postar um comentário