sábado, 17 de julho de 2010

A CAIXINHA DA AMIZADE- (Oficina de contação de histórias em Muriaé)

Autoras: Sônia Fernandes e Luzinete Cândida


Certa manhã a caixinha da amizade com formato de coração e com seu laço de fita, se encontrava triste, pois estava vazia e sozinha sobre a mesa do quarto, quando um vento forte entrou pela janela e a derrubou.

De repente, ela escuta uma voz triste, que lhe pergunta:

__Quem é você?

__Eu? Eu sou a caixinha da amizade, e você?

__Sou Azulim, fico aqui e nunca te vi.

__Nós não nos conhecemos, pois vivo sobre a mesa e quando cheguei trouxe alegria e surpresa. Fui abraçada e hoje estou vazia e esquecida.

__Há meu caso é diferente, pois perderam o meu irmão gêmeo, o pé direito, fiquei sozinho após um jogo de futebol e estou esquecido aqui debaixo da cama.

Os dois tiveram um diálogo aberto e sincero e se tornaram grandes amigos, sabendo que ninguém vive só e que nenhum problema pode nos fazer desistir de acreditar, sorrir, esperar, sonhar e viver.

Nenhum comentário:

Postar um comentário