quarta-feira, 30 de junho de 2010

Pastor, Pastora, Educador, Educadora


Texto extraido da revista Minas um Desafio página 7- Missões Estaduais 2010, escrito por:
Pr Tarcísio Caixeta de Araújo Prof. da Fac. Batista de Minas Gerais Membro da IB Entre Rios de Minas/MG com o título:

"A VOCAÇÃO MISSIONÁRIA NO CONTEXTO TEOLÓGICO"



A palavra vocação é pouco usada na Bíblia. Aparece umas poucas vezes no NT, especialmente nas cartas paulinas, com o sentido de chamado, vocação, convite. Segundo Moulton (1982, p.211), este termo está ligado ao chamamento divino para os privilégios do Evangelho. Não resta dúvida de que este vocábulo é usado para se referir a todos os servos e servas do Senhor. Todos são vocacionados, isto é, são chamados para pertencerem a Ele.



Essa desconfiança de que todos, indiscriminadamente, são chamados por Deus tomou conta do coração de líderes importantes no AT: Coré, os dois irmãos Datã, Abirão e mais 250 homens de posição entre os israelitas. Eles afirmaram: "toda a congregação é santa, todos são santos." (Nm 16:3). Na verdade, eles estavam certos na interpretação de que todo o Israel era santo, separado para servir o Senhor (ver Dt 4:37; 7:6; 10:15; 14:2; Is 44:1). No entanto, estavam equivocados sobre a santificação ou separação especial para ministérios específicos. Recém libertos da escravidão egípcia, não conheciam os graus de santidade: sumo sacerdote, sacerdote, levita, nazireu (nazireia), pessoa comum. Profeta (profetisa), rei (rainha) também se encaixam nos graus de santidade conforme o AT. Desconheciam também textos tais como Deuteronâmio 18:1,5; 21:5; I Samue12:27,28 e I Samue116:10-13, quanto ao ministério especial de sacerdote e a função de rei (ver SI 78:70).



Profetas e profetisas também eram chamados por Deus para urna missão especial (11 Rs 22:14-16; Is 6:8; Jn 1:1,2;Zc 1:1-3).



Na Bíblia há ministérios específicos, especiais. Todos os crentes são chaamados, vocacionados para as bênçãos divinas. Dentre os vocacionados Deus escolhe alguns para missões especiais. Missionários e missionárias fazem parte desse time cujo técnico é o próprio Deus e o patrocinador é a igreja. A recompensa está em cada vida salva e transformada pelo poder do Senhor através da mensagem poderosa da parte de Deus.



Moisés deixara claro que os rebelados de Números 16 eram de fato separados para se chegarem a Deus e administrar o tabernáculo do Senhor. Eram ministros da congregação israelita (Nm 16:9). No entanto, os rebeldes queriam ocupar a posição de Moisés e Arão, isto é, o sacerdócio (Nm 16:10). O texto de Números 16 é um dos poucos da Bíblia a discutir a questão vocacional.



No AT a palavra vocação não aparece. Contudo, temos os verbos escolher, chamar, convocar, eleger e seus desdobramentos. Segundo o Aurélio, vocação se entende como: ato de chamar; escolha, chamamento; tendência, disposição; talento, aptidão. O sentido que nos interessa neste breve artigo é o de chamar. Examinamos textos onde Deus chama pessoas para servi-lo em missões especiais, deixando claro que todos os servos de Deus são chamados para serem bênçãos. A vocação missionária está intimamente relacionada ao contexto teológico: é Deus quem vocaciona e é Ele também quem dirige e sustenta os vocacionados.









Nenhum comentário:

Postar um comentário